ESCRAVO SEXUAL - Traindo meu namorado

Traindo meu namorado

Meu nome é Júlia, tenho 18 anos, faço faculdade de Eng. Civil, sou ruiva, cabelos bem longos, 1,65 de altura, 58kg, seios médios, nada de corpo escultural, divino… Sou normal. Já meu namorado é lindo! Nem sei como chamei a atenção dele. Tem cabelos curtos, pretos, bem branquinho, 1,85 de altura, olhos verdes folha-seca, é um daqueles que tá na academia faço sol ou chuva, braços grandes e acolhedores, um abdomên escultural. 

Era um sábado ensolarado, 14hrs, eu e meu namorado estávamos em casa, sozinhos e jogando futebol no videogame, depois de um sexo de noite e de dormirmos juntos. Ele recebe uma ligação de seu melhor amigo no celular. Era o Bruno, outro que tem um corpo de babar, braços e pernas fortes, tanquinho, mais ou menos 1,80 de altura, cor bronzeada e cabelos curtos e loiros. O Bruno nos chamava para um churrasco em sua casa e nos mandou ir com roupa de banho. Como não tinhamos nada pra fazer, troquei de roupa, entramos no carro e fomos. Chegando lá, cumprimentei os amigos dele que estavam por perto da churrasqueira e ele ficou por lá. Depois fui ao encontro das meninas, ficamos conversando, elas já eram minhas conhecidas. A casa era muito grande, a piscina ficava encostada em um muro, onde os rapazes estavam em pé, e uma mesa ali por perto onde estavam as moças. Na frente havia um grande jardim com árvores volumosas e altas, tampando a visão da piscina, que estava logo atrás do jardim, ou seja, quem estava ali por perto da churrasqueira, não via quem estava na piscina. Como não bebo e todas as garotas já estavam um pouco chapadas, dançando ao som daquele arrocha tocado em 110 decibéis, resolvi sair de perto. Cheguei perto do meu namorado e o chamei para tomar um banho na piscina, ele disse que não iria pois não tinha levado roupa de banho.

Fui sozinha para a piscina, tirei minhas roupas e deixei por perto da piscina. Entrei e fiquei quieta, tomando um sol, tentando relaxar. Assim fiquei por um bom tempo, encostada na borda da piscina. De repente, fui agradavelmente incomodada por um volume que encostava na minha bunda, uns braços fortes que me envolveram por trás. Não tive tempo de dizer nada. Era o Bruno, ele disse: ‘Só me diz se você quer ou não.’ Não pensei duas vezes e disse que sim. Eu estava com um biquini tomara-que-caia, ele puxou a parte de cima para baixo, apertou meus seios fortemente e começou a chupá-los, dando leves mordidas. Enquanto isso, colocou a mão na parte de baixo, estimulando meu clitóris e enfiando o dedo dentro da minha buceta. Minha mão estava dentro de sua cueca, fazendo movimentos de vai e vem naquele pau grosso, de tamanho médio, mas intensamente duro. A cara de prazer dele me excitava. Depois ele me pegou pelo cabelo, me beijou de um jeito forte, me virou de costas pra ele, puxou a calcinha pro lado, e meteu aquele pau grosso na minha buceta. Gemi baixinho de tanto prazer, eu me contorcia. Ele me segurava com uma mão em meus seios e outra continuava estimulando meu clitóris. Depois mudamos de posição: me apoiei na borda da piscina, ele me pegou pela bunda e meteu de frente pra mim, enquanto mordia o bico dos meus seios. Aquele pau grosso e muito duro entrando na minha bucetinha apertadinho foi uma sensação que nunca tinha sentido antes com meu namorado. Após isso, ele me sentou na borda e chupou minha buceta. Fazia movimentos circulares no clitóris, depois descia e enfiava a língua na minha buceta. Gozei daquele jeito. Que sensação maravilhosa… Voltei a piscina e foi ele quem se sentou na borda. Chupei-o muito, comecei devagar, dando lambidinhas na cabeça do pau dele, e quando acelerei o movimento, ouvi gemidos dele. Gozou na minha boca. Engoli, já que sempre faço isso com meu namorado. Me admirou quando ele voltou para a piscina e me deu mais um beijo intenso (meu namorado sempre tem nojo de me beijar depois que goza em minha boca). Depois disso, chegou em meu ouvido e disse: ‘Você é incrível!’ Olhei pra ele e saí da piscina, enquanto ele ficou lá. Fui ficar perto do meu namorado. Apesar daquela transa ter sido muito boa, é o meu namorado que eu amo.

  1. pdeputariaa reblogged this from overdose-de-orgasmos
  2. Julia submitted this to escravo-sexual